Total de visualizações de página

quinta-feira, 19 de abril de 2012

NÃO SOU INSPIRÁVEL





Mas me  defino atraves da poesia
Não posso dizer  que  sou  inspirada
A poesia dentro de mim, é a mais bela
das artes

Não faz  das outras menores
Perene acredito na criação até onde a
poesia me  permite
A poesia  nasce de repente não faz um
ruído
Nasce na rua  num momento  escuso  escuro


Registram os cartunistas ...
Escrever  poesia  com responsabilidade
Escrevo  sem literatura é um fenomeno ...
que arrulham como pombos

Fascinante poesia  eterna namorada  do
poeta ...
Eterna também  nas  sensibilidades que se
eterniza gigante
Como espiral  nascem os  versos  que a compoem

Leiam de repente  ...
Brincando com as palavras
Malucamene  sem metrica,  e castração  voa  o
poeta de  vanguarda

sulla fagundes


Nenhum comentário: